Slider

Vídeos

Polícia

Politica

Educação

Esportes

Economia

Entretenimento

INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA DE BODOCÓ-CONFIRA




» » » » » » Casca, fé em Jesus e alerta: Micale prepara Brasil para a semifinal olímpica

Técnico afirma que equipe se fortaleceu com as críticas da primeira fase, diz que Gabriel Jesus está na vanguarda do futebol mundial e pede paciência aos torcedores


Rogerio Micale comandou treino nesta segunda, na Granja Comary (Foto: Lucas Figueiredo / MoWA Press) montagem: Davi Diniz
A menos de dois dias da semifinal olímpica contra Honduras, o técnico Rogério Micale segue em sua montanha russa de emoções. Começou lá em cima, a toda velocidade com elogios na preparação, passou por loopings assustadores nos empates sem gols diante dos inofensivos África do Sul e Iraque, mas voltou a se estabilizar com as vitórias sobre Dinamarca e Colômbia.
Para o técnico, essa oscilação fez com que o Brasil "criasse casca" e chegasse à partida decisiva, no Maracanã, mais forte do que estava no início do torneio.
– Nossa equipe soube lidar com a pressão de ter que buscar uma medalha, principalmente a de ouro. As coisas não aconteceram da forma que esperávamos, houve um momento de questionamento, mas a equipe suportou, criou essa casca e nos deu força para buscar um objetivo maior. Foi bom para nos fortalecer, acredito que chegamos mais fortes à decisão.
Micale também voltou a mostrar entusiasmo com Gabriel Jesus. Sempre muito elogiado pelo treinador, o atacante do Palmeiras, que irá defender o Manchester City a partir de janeiro, tem recebido algumas críticas nos Jogos Olímpicos, mas é efusivamente defendido pelos companheiros, principalmente pelo empenho defensivo nos últimos dois jogos, quando inverteu de posição com Neymar e passou a atuar aberto pelo lado esquerdo.
– O Gabriel Jesus é extremamente importante, é impressionante a maturidade que tem já tão jovem. É um atleta que corresponde à vanguarda do futebol mundial. Podemos contar com ele não só centralizado, mas principalmente pelas beiradas, no um pra um forte, com uma noção defensiva espetacular. Ele se entrega à equipe, ajuda no momento defensivo, não foi vendido à toa para um grande clube mundial. Ele tem todos os atributos que o futebol moderno exige.
Para quem imagina que a semifinal na quarta-feira, às 13h (de Brasília) - com transmissão ao vivo do GloboEsporte.com, TV Globo, SporTV e Rádio Globo/CBN - possa ser fácil, em razão da falta de tradição hondurenha no futebol, Micale faz um alerta e um pedido à torcida que irá ao Maracanã: paciência.
– Honduras é uma equipe extremamente rápida no contra-ataque, com boa força física, trabalha com duas linhas juntas, uma de cinco e outra de quatro, e um homem de referência à frente. Ele (Jorge Luis Pinto, técnico de Honduras) vai tentar trabalhar com os nervos da nossa equipe, transferir responsabilidade. Será um jogo de muita paciência, pela forma que eles atuam, e desde já eu peço o apoio do torcedor que, acredito, vai lotar o Maracanã.
Veja os principais trechos da entrevista de Micale:

ESCALAÇÃO

Minha formação está definida, mas vamos falar no momento do jogo. Não vai mudar muita coisa em relação ao que estamos fazendo.

MARACANÃ

É um grande prazer estar num estádio que representa tanto para o futebol brasileiro. Vou olhar o gramado depois da entrevista, será um privilégio para mim e para minha equipe fazer um jogo tão importante num palco como esse. Estamos muito felizes.
Brasil x Dinamarca (Foto: Lucas Figueiredo / MoWA Press)Brasil venceu Dinamarca e Colômbia; agora enfrenta Honduras na semifinal (Foto: Lucas Figueiredo / MoWA Press)


CRÍTICAS

Conseguimos dois resultados depois, se eles não acontecessem elas não teriam servido de nada. E nem estaríamos aqui. Elas são positivas a partir do momento em que notamos fundamentos em determinadas cobranças. Algumas não fazem sentido porque não tratam do futebol, especificamente.

TÉCNICO DE HONDURAS CONFIANTE

Ele está no papel dele, de treinador de uma equipe que está surpreendendo, eliminou a Argentina com um empate, empatou com Portugal e venceu a Coreia, uma equipe muito boa, que vem investindo em sua base. Ele tem direito de sonhar com a classificação, assim como nós. E assim como ele está confiante na equipe dele, nós também estamos. A seleção brasileira sabe da importância dessa medalha, dessa passagem para a final.

FUTEBOL MASCULINO E FEMININO NA SEMIFINAL

O resultado não deveria pautar nosso relacionamento com o futebol. Essa oscilação de humor de uma semana para outra nos atrapalha demais. Em uma semana está tudo errado, e na outra tudo certo. Se ganhar é o melhor do mundo, se perder tem que começar tudo de novo. Você vai atrás de um arquiteto para desenhar uma casa, contrata o engenheiro, e depois no meio do processo acha que o arquiteto não era bom, começa tudo de novo. Assim nunca teremos uma obra construída. Deveríamos avaliar se a forma de fazer é bem feita ou não. Se for, em algum momento vai colher o resultado desse trabalho. Mas se destruirmos a cada resultado ruim, nunca teremos nada.

NEYMAR SUPORTANDO PANCADAS

Ele é um jovem, um atleta com muita responsabilidade, se tornou protagonista muito cedo. O amadurecimento é inerente à rodagem. Ele aprende com os erros, nós vemos isso nele. Se ele errou no passado, agora está tentando acertar. Eu creio e espero que ele consiga. O jogo de futebol é acalorado, com nervos à flor da pele, e nós somos humanos. Todos podemos cometer erros, inclusive o Neymar.

ADIAMENTO DO ANÚNCIO DA CONVOCAÇÃO DE TITE

Estamos fazendo um trabalho integrado, isso nos ajudou, é um foco a menos que seria desviado. O relacionamento com o Tite é o melhor possível, não tenho nenhum receio de ligar para ele e pedir a opinião quando tenho alguma dúvida. Da mesma forma, estou aberto para ajudar. Ele está chegando à seleção brasileira e vejo que também não tem qualquer melindre de ouvir uma opinião.

CONVOCARIA OS JOGADORES DA OLIMPÍADA PARA A ELIMINATÓRIA?

Eu convocaria os 18 (risos). Mas a responsabilidade dele é muito grande e, com a competência que já demonstrou nos clubes, vai nos conduzir muito bem nas eliminatórias.
Por Rio de Janeiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe um comentário