Slider

Vídeos

Polícia

Politica

Educação

Esportes

Economia

Entretenimento

INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA DE BODOCÓ-CONFIRA




» » » » Garota achada morta em jardim de sorveteria fazia programa, diz mãe

Ana Paula Alves reconheceu o corpo da filha, Islayne, nesta quinta (25).
Segundo ela, a jovem, de 16 anos, largou a escola aos 13 e usava drogas.
Corpo foi encontrado no jardim da sorveteria (Foto: Ronan Tardin/TV Globo)
A jovem encontrada morta, na quarta-feira (24), no jardim de uma sorveteria em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, foi identificada. Nesta quinta-feira (25), os parentes de Islayne Alves da Silva Bezerra, 16 anos, estiveram no Instituto de Medicina Legal (IML), em Santo Amaro, na área central da capital, para fazer o reconhecimento. De acordo com a mãe da garota, Ana Paula Alves, 35 anos, ela largou a escola aos 13 anos, passou a tomar drogas e a se prostituir.
A mãe da jovem informou que ela saiu de casa na noite de terça-feira (23), por volta das 23h. Disse também que a família mora na comunidade Entra Apulso, bem perto da sorveteria. Na área do local onde o corpo foi achado, muitas garotas de programa costuma fazer ponto, sobretudo, de madrugada.
Nesta quinta, a polícia vai formalizar o pedido aos proprietários do estabelecimento para entrega das imagens do circuito de segurança. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
O caso
A morte de Islayne veio à tona, na tarde de quarta-feira. O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado para recolher um corpo encontrado no jardim da sorveteria. O estabelecimento fica no cruzamento da Rua Padre Carapuceiro com a Avenida Domingos Ferreira, uma das mais movimentadas da região.

Para os peritos, a jovem foi assassinada entre a terça (23) e a quarta (24) e teve o corpo escondido no jardim da sorveteria. A perícia também irá fazer exames para identificar se a jovem foi vítima de abuso sexual.

O cadáver foi localizado após o jardineiro contratado pelo estabelecimento ter iniciado os serviços de corte das plantas do local. Ao lado do corpo, os peritos encontraram um guarda-chuva e no bolso da jovem foi encontrado um preservativo.
Corpo foi encontrado em sorveteria em Boa Viagem (Foto: Ronan Tardin/TV Globo)
A perita Vanja Coelho disse suspeitar de quebra de pescoço como a causa da morte.  Ainda de acordo com ela, não foram identificadas lesões superficiais na pele da adolescente, mas exames mais aprofundados no IML devem revelar se há algum indício de mutilação no corpo da jovem.
Na porta da sorveteria, a administração divulgou um aviso informando que o o local não funcionaria nesta quarta-feira (24) por motivos técnicos. A Polícia também solicitou à sorveteria as imagens do circuito interno de segurança para auxiliar nas investigações sobre o caso. Ainda sem identificação, o corpo da adolescente seguiu para o IML.
Por meio de nota, o estabelecimento lamentou o ocorrido e ressaltou que o fato aconteceu na parte externa da loja. Ainda no texto, a empresa informou estar colaborando com as investigações policiais e irá ceder as imagens do circuito interno das câmeras de segurança à Polícia.
do G1 PE

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe um comentário