Slider

Vídeos

Postagem em destaque

Constelação familiar sistêmica: Um nome estranho, mas que pode mudar a sua vida.

O que é essa terapia que até os tribunais de justiça estão aplicando?  Sabe todas aquelas vezes em que vemos geração após geração repet...

Polícia

Politica

Educação

Esportes

Economia

Entretenimento

INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA DE BODOCÓ-CONFIRA




» » » » Pai e filha vivem como casal e são presos por estupro de crianças

Polícia apreendeu notebook, celular e tablet contendo imagens de menores

                               Pai e filha se conheceram após a mulher completar a maior idade Divulgação / Polícia Civil  
                                                                         (foto: adaptada por Davi Diniz)


Pai e filha foram presos pela polícia suspeitos de estuprarem, pelo menos, duas crianças e dois adolescentes, em Belo Horizonte. Além dos crimes, os pai e filha suspeitos mantinham uma relação de incesto, ou seja, de parentes consanguíneos que mantém relações sexuais.
As investigações que levaram à prisão de Warner Robert de Carvalho, 45 anos, e sua filha, Lidiane Fernanda Villaverde Carvalho, 27, iniciaram em setembro deste ano, após a denúncia de uma adolescente, de 14 anos, que teria sido obrigada a manter relações sexuais com o casal. A jovem relatou á polícia que Fernanda, que era vendedora de roupas íntimas, a fotografava com as peças, desde que ela tinha 11 anos. Porém, algum tempo depois do trabalho realizado, a vendedora teria começado a ameaçá-la, obrigando-a a ir para motéis com ela e o pai.
Com a denúncia, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão na casa de Carvalho e de Fernanda, onde foram apreendidos um notebook, tablets e um celular contendo imagens de crianças e vídeos com conteúdo de pedofilia, além de langeries. De acordo com a delegada responsável pelo caso, Isabella Franca de Oliveira, as duas crianças do material foram identificadas e ouvidas.
Carvalho e Fernanda não se conheciam e só foram apresentados após a mulher completar a maior idade. Depois que ele se conheceram, passaram a manter relações sexuais e a filha passou a aliciar crianças para que elas participassem desses encontros e fossem abusadas pelo pai.

De acordo com a Polícia Civil, os dois foram presos preventivamente e após isso, outro adolescente, de 12 anos, procurou a delegacia relatando também ter sido vítima deles. Carvalho e Fernanda podem responder pelos crimes de estupro e estupro de vulnerável, previstos no Código Penal, além de produção de imagem pornográfica envolvendo menores, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (Eca).

por R7

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe um comentário