Slider

Vídeos

Postagem em destaque

Grupo de amigos realizam mais um Projeto Natal Criança Feliz em Bodocó-PE

O Projeto Natal Criança Feliz está em seu sexto ano e o seu principal objetivo é tornar um Natal mais feliz para as crianças da zona ru...

Polícia

Politica

Educação

Esportes

Economia

Entretenimento

INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA DE BODOCÓ-CONFIRA




» » » » » Veja quem será o polêmico vice de Bolsonaro nas eleições 2018


O presidenciável Jair Messias Bolsonaro escolheu um dos mais polêmicos senadores da atualidade para ser seu candidato a vice-presidência. Evangélico  com forte atuação na defesa da Família Tradicional e odiado pelas Esquerdas, Bolsonaro terá ao seu lado um grande parceiro na mobilização de eleitores pelas redes sociais.
O senador Magno Malta (PR) confirmou ao jornal O Estado de S. Paulo que pode ser vice na chapa do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) para a presidência da república em 2018.
O senador capixaba não descarta, ainda, inverter de posição com o deputado, saindo como candidato à presidência com Bolsonaro como vice. “Temos conversado que, em 2018, todos estaremos juntos, independente de posições. Aliás, não só eu e ele, mas todos aqueles que repudiam esse modelo esquerdopata que destruiu o País. Quem pode ser vice também pode ser o verso”, afirmou o senador.
Em vídeo postado nas redes sociais em junho ao lado de Malta, Bolsonaro fez um afago ao senador. “Magno, você tem muita responsabilidade para com 2018. Porque, sempre digo, se a gente quiser mudar o Brasil, tem que ter gente no nosso perfil sentado naquela cadeira presidencial. (…) No ano que vem, uma certeza aqui: estaremos do mesmo lado”, disse Bolsonaro.


Magno Malta rasgou elogios ao colega. “Gosto do Jair, tenho boa relação com ele. É um bom nome para presidente. Se não for para o 2º turno, é ele quem vai definir a disputa”, afirmou.


Bolsonaro já afirmou que está 99% acertado com o Partido Ecológico Nacional (PEN). A filiação, segundo o próprio, deve ser anunciada em breve. “É um noivado nota 10. Estamos, inclusive, estudando a mudança do nome do partido. Quero que o partido se chame PAB (Pátria Amada Brasil).Em poucos dias devemos selar esse casamento”, disse o deputado. 

Fonte: Folha Brasil

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe um comentário