Slider

Vídeos

Postagem em destaque

Constelação familiar sistêmica: Um nome estranho, mas que pode mudar a sua vida.

O que é essa terapia que até os tribunais de justiça estão aplicando?  Sabe todas aquelas vezes em que vemos geração após geração repet...

Polícia

Politica

Educação

Esportes

Economia

Entretenimento

INVENTÁRIO DA OFERTA TURÍSTICA DE BODOCÓ-CONFIRA




» » » » » Jovem é violentada após falsa entrevista de emprego em Pernambuco

Estudante de 19 anos apresentava escoriações e queimaduras em todo o corpo, além de um corte profundo no pescoço

Mulher foi encontrada em um matagalFoto: Reprodução/Facebook

Uma estudante de radiologia foi encontrada com sinais de violência, na manhã desta segunda-feira (14), em um matagal no bairro do Timbi, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. A jovem de 19 anos estava desaparecida desde a manhã do último sábado (12), quando saiu de casa para uma suposta entrevista de emprego em uma academia.
A mulher, que foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros, apresentava escoriações e queimaduras em todo o corpo, além de um corte profundo no pescoço. Ela foi socorrida e levada ao Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, na área Central do Recife, onde passou por diversos exames, além de uma cirurgia para a reconstrução do pescoço.
O estado de saúde é considerado estável e a estudante, que está sedada, permanece na sala de recuperação. O cunhado da vítima, José Diniz, de 53 anos, informou que a jovem foi abordada por um homem, na última sexta-feira (11), quando chegava no curso técnico. “O homem ofereceu um trabalho de recepcionista para ela. Ele disse que ela era bonita, alta e que poderia trabalhar em uma academia no bairro de Boa Viagem”, comentou o cunhado.
José Diniz informou que o homem marcou de encontrar com a jovem, no sábado (12), às 10h, em frente à Prefeitura de Camaragibe. “Ele disse que ela fosse para entrevista usando roupa de malhar”, comentou. No dia do desaparecimento, o cunhado informou que ela acordou cedo e informou para a mãe que estava indo para a entrevista de emprego.
“Ela juntou todos os documentos, como carteira de trabalho e identidade, e ligou, do telefone da mãe, para o rapaz “, disse o cunhado. Os familiares começaram a ficar preocupados quando a jovem não retornou para a casa e chegaram a ligar para o homem que teria oferecido a proposta de emprego. O homem, que se apresentou como Riquinho, disse que não encontrou a jovem e depois não atendeu às ligações.
Buscas foram feitas no Instituto Médico Legal (IML), em hospitais da região, no HR e em delegacias. Os familiares fizeram uma publicação no Facebook para tentar localizar a jovem. Eles informaram que outras mulheres informaram, na publicação, que foram abordadas pelo mesmo homem, que usava uma calça jeans preta, camisa vermelha e sandálias Havaianas de cor azul.

“Ele tem 1,68 m, branco, cabelo liso castanho escuro, aparenta ter entre 25 e 30 anos, rosto com espinhas e dentes salientes”, diz trecho da nota. publicação. Somente nesta segunda a jovem foi encontrada e, imediatamente, levada para o Hospital da Restauração. A família prestou queixa do desaparecimento da jovem na Delegacia de Camaragibe, no domingo (13). A Polícia Civil de Pernambuco já começou a investigar o caso.
FolhaPE

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe um comentário